domingo, 23 de abril de 2017

Por ti (De Alcinéa Cavalcante)


Gosto de ser assim
Livre
Sem relógio
Sem telefone
Sem hora de partir
Ou de voltar...
Gosto de ser assim:
Livre
Não ter que dizer
Estou aqui
Vou ali
Irei acolá
Gosto de ser assim:
Livre.
Sem hora marcada
Pra dormir
Acordar
Comer 
Passear
Cantar
Trabahar
Mas, se me quiseres
Compro um relógio
E um celular
 Organizo o tempo
 E até aprendo a cozinhar.


Amor por um poema. <3

Luz!

2 comentários:

  1. Muito obrigada, querida, pela publicação. Beijos

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada por tanta poesia, lirismo e vida compartilhada.
    Beijo, flor.

    ResponderExcluir