segunda-feira, 14 de novembro de 2011

"Aprendiz"

Alfabetiza-te de sóis. Girassóis. Luares e dias chuvosos. Sorriso de criança. Experiência de um idoso...e do espaço que percorre estas duas idades.  Da liberdade e candura da tão curta vida da borboleta...

Alfabetiza-te de respeito! - Por teus pais, irmãos, amigos...pelo teu próximo, ainda que nem tão próximo assim.

 Alfabetiza-te de tua própria maldade, aceita esse pedaço teu, sem torná-la uma condicionante diária de tua convivência.

Alfabetiza-te de afago. Afaga o fago. Afaga o tato, agarra o mundo! - De sentimentos.Ruídos, texturas, cores, cheiros...Permite que a vida te toque,faça sentido.

Mais que de filosofia, poesia, doutrina, livros e livros sem fim, pois de nada adianta ser tão acadêmico, se tiveres o vírus da soberba, que te arranca a humanidade: Alfabetiza-te de bondade!

((Não sejas tu um analfabeto emocional))

3 comentários:

  1. Tenhamos corações poliglotas!

    *-*

    Tu me emociona sempre.

    Beijos, querida. Parabéns por mais essa pintura em forma de texto.

    ResponderExcluir
  2. LunaLinda...é mesmo! Os corações poliglotas, livres,leves, dispostos pra aprender...que a vida é isso mesmo... ;)

    Mas,a recíproca é mais que verdadeira,flor. Compartilhar contigo nossas visões é uma alegriaaa.

    Um beijo imensooo =*****

    ResponderExcluir