terça-feira, 31 de outubro de 2017

Matinais!

Imagem: Katerina Plotnikova.

Gosto de comer teus olhos
Assim, logo de manhã
Quando se abrem sorridentes
Para a vida.

Da alegria
Dos teus dentes tortos
Do beijo sabor melancia
E dos habituais bons dias...

Bendigo as coisas simples
Nossa rotina sem muito drama
A gente se ama
E se quer bem

E contigo aprendi que isso é amor: 
Essa coisa macia, à vontade
Essa chama que só arde
Quando meu corpo se enamora do teu...

E foi de rir de tuas piadas prontas
E caminhar pelo teu céu com pouco inferno
Que em uma manhã de domingo
Percebi a sorte desse encontro
E o tanto que te quero...#

*Poema antigo, republicado, pois foi, de longe, um dos poemas que mais gostei de escrever.

A imagem é  sugestão do poeta Amapaense e amigo, Marven Junius Franklin, que gentilmente publicou em sua rede social este poema, associada à esta imagem. 

2 comentários:

  1. Amei seu poema, parabéns!Vou compartilhar no meu blog. Posso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro, querida! Será uma honra.
      Um beijo!

      Excluir